Incêndios florestais atingem a Grécia, matando dezenas

MarineLink25 julho 2018
(Foto cedida pela Guarda Costeira Helênica)
(Foto cedida pela Guarda Costeira Helênica)

Incêndios florestais na Grécia mataram dezenas, deixaram mais feridos e levaram alguns penhascos para o mar em um dos piores desastres do país nos últimos anos.

Vários incêndios perto da capital do país, Atenas, um dos principais centros de navegação do mundo, mataram pelo menos 74 pessoas e deixaram 187 feridos, disseram autoridades nesta terça-feira. Teme que o número de mortos possa aumentar ainda mais, já que o número que falta é desconhecido.

Atenas e a cidade portuária a oeste, Pireaus, abrigam mais de 600 embarcações.

Embora os incêndios tenham diminuído muito até a tarde de terça-feira, centenas de bombeiros continuam lutando contra o incêndio, que está longe de acontecer. Um incêndio está a leste de Atenas, perto de Kineta; um a oeste de Atenas, em Kallitexnoupolis, perto de Mati; um perto de Corinto e dois na ilha de Creta, relata a CNN.

Na costa oeste do país, perto de Rafina, onde se registrou a maioria das baixas, vários navios da guarda costeira grega e barcos do Bom Samaritano patrulharam as praias perto de áreas atingidas pelo incêndio, onde mais de 700 pessoas presas por chamas rápidas foram resgatadas praias ou o mar, disseram as autoridades. Seis mortos foram recuperados do mar.

Os incêndios atingem a Grécia todos os verões, mas o incêndio desta semana, alimentado por ventos fortes, foi o mais mortífero em mais de uma década.

Categorias: Acidentes, Acidentes, guarda Costeira, Segurança marítima