ConRo Ablaze no Golfo da Biscaia

MarineLink12 março 2019
(Foto: Marinha Real)
(Foto: Marinha Real)

Vinte e sete pessoas foram resgatadas de um navio de carga registrado na Itália que pegou fogo na noite de segunda-feira no Golfo da Biscaia, a cerca de 240 quilômetros a sudoeste de Brest.

A embarcação Grande América, que faz parte do grupo Grimaldi, é embarcada de um navio que faz o roll-on / roll-off (ConRo), partindo de Hamburgo para Casablanca quando sua carga de contêineres e veículos pegou fogo por volta das 20h.

Depois que as tentativas de batalha falharam, toda a tripulação de 26 pessoas e um passageiro desembarcou em mares a bordo de um único bote salva-vidas e foram resgatados pela tripulação da fragata HMS Argyll, da Marinha Britânica, que respondeu ao chamado do primeiro dia.

O bote salva-vidas havia sido danificado e estava sem energia, então o barco do mar da fragata empurrou o bote salva-vidas contra o lado do navio de guerra para que os fuzileiros navais pudessem levar a tripulação da Grande América a bordo, disse a Marinha Real Britânica.

"As condições eram horríveis - as embarcações estavam rolando a 30 graus, o que tornava extremamente cabeludo colocar os marinheiros a bordo com segurança", disse o tenente-comandante Dave Tetchner, oficial do HMS Argyll's Engineer Engineer.

O bote salva-vidas "balançava como uma rolha na banheira", ele disse.

O resgate durou cerca de oito horas e os marinheiros da Grande América estão sendo levados para Brest. O tenente Crew Tetchner disse que nenhum deles sofreu ferimentos com risco de morte, mas alguns precisariam de tratamento hospitalar e todos ficaram atordoados com a provação.

"Foi muito ruim para eles - eles tiveram que lutar em um incêndio em mares terríveis. Todos eles sofreram inalação de fumaça", disse ele.

"Então eles enfrentaram a perspectiva de abandonar o navio e, em seguida, seu barco salva-vidas falhou. Foi bastante horrível todo e eles ficaram chocados.

“Você vê containerships como esse todos os dias quando está navegando pelo mundo. O que você não vê é um em chamas - foi uma visão terrível. "

A Grande América, de 28 mil toneladas, ainda estava em chamas quando Argyll deixou o navio por volta das 5h da manhã de terça-feira, informou a Marinha Real. Autoridades francesas disseram na terça-feira que o navio ainda está queimando e listando fortemente à sua direita. Cerca de 10 contêineres caíram na água.

A Grande América continua a se deslocar para o leste e atualmente está a mais de 320 quilômetros da costa oeste da França, de acordo com a última atualização do Premar Atlantique, da França.

Autoridades francesas enviaram Abeille Bourbon para combater o incêndio, mas os esforços de combate a incêndios foram suspensos. O rebocador deixou a cena e foi aliviado por VN Sapeur.

O Grimaldi Group contratou a empresa de resgate Ardent, que alugou dois rebocadores: a Union Lynx, de Vigo, na Espanha, prevista para chegar à cena na noite de terça-feira, e Tera Sea Hawk, de Roterdã, prevista para a noite de quarta-feira.


Categorias: Acidentes, Acidentes